[O que aprendi com as borboletas] O melhor para si – Mariane Helena

O melhor para si

Os rios não bebem sua própria àgua; as árvores não comem o seus próprios frutos. O sol não brilha para si mesmo; e as flores não espalham sua fragância para si.

Viver para os outros é uma regra da natureza. (…) A vida é boa quando vocÊ está feliz; mas a vida é muito melhor quando os outros estão felizes por sua causa.”
(Papa francisco)
Vivemos em comunidade, ou seja, somos uma unidade comumum do outro… Fazemos parte da vida uns dos outros, necessitamos uns dos outros pois vivemos em sociedade. Mas estive pensando: Como posso comungar o bem com o outro, se não faço bem a mim mesmo?
O papa trouxe essa reflexão: “Os rios não bebem sua própria àgua; as árvores não comem o seus próprios frutos. O sol não brilha para si mesmo; e as flores não espalham sua fragância para si.
Viver para os outros é uma regra da natureza. (…) A vida é boa quando vocÊ está feliz; mas a vida é muito melhor quando os outros estão felizes por sua causa.”(Papa francisco)
Nos fazendo lembrar que Deus em sua infinita bondade e sabedoria não deu nem mesmo a natureza o privilegio de cuidar de si mesmo. Veja: O rio não bebe a própria água, a árvore não come o seu próprio fruto,etc… Se nem mesmo a natureza nasce, cresce e vive por si só quanto mais eu e você?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *