[Entre nós(s)] O quanto de nós é nosso? – Davyd Vinicius

É que na verdade se você não faz o que eles querem, eles esquecem você, porque acham que sabem mais da sua vida que você mesmo. Nós somos manipulados a todo instante por algo ou por alguém. Devemos tomar uma decisão a cada 5 minutos, vivemos em um jogo de corda bamba para agradar alguém.

Nós somos reféns dessa sociedade que nos influencia a todo tempo, desde que nascemos. E quanto de nós é nosso mesmo? Será que não somos apenas uma cópia barata de tudo aquilo que nos moldou? Na verdade eu acho que a séculos não existe ninguém realmente autentico. Nós somos o nosso meio, as coisas, as pessoas, e se as pessoas moldam as coisas do seu modo, o que realmente é o que deveria ser? Tudo é uma grande representação daquilo que algum influenciado influenciou.

 Entre nó(s), para desatarmos as angústias dos nossos corações, revelarmos o mais intimo de nossos seres. Aprendermos a fazer morada em nossos corpos e lidarmos com aquilo que chamamos de sentimento, acessarmos o canto mais profundo e escuro de nossos nó(s).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *