{Mês de Teresa} Mulher Negra – Angélica

MULHER NEGRA
Venho de uma realeza negra, vitoriosa, de um útero negro.
Laços cortados e agora?
Me torno forte, passando por diversos preconceitos não entendidos,
pureza de uma criança…
Mas venho de um sangue forte, 
Sem medo de enfrentar mentes fracas,
não me equiparo a sua fraqueza mental.
Porque sou e tenho que ser forte, mas não me abalo por ter que provar, noite de lua, dia de sol, por que minha fortaleza é nata.
Me curvo feito bambu mas me levanto e me lanço feito flecha e me restabeleço, porque aqui deixo meus vitoriosos frutos uterinos.

1 comentário em “{Mês de Teresa} Mulher Negra – Angélica

  1. Parabéns Angélica pela poesia
    Por representar a força da Mulher Negra Brasileira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *