[FaroFolia] Sou do bloco da poesia – Mariane Helena

Ô abre alas para o meu bloco passar!
Hoje vou foliar!
Festejar!
Carnavajear,
Pra todo lado!
Vem comigo ! Vem!
Que esse bloco é sem aglomeração.
Vem com seu verso,
Que eu entro com minha rima.
Pra formar nosso samba bom!
Sambou?!
Eu sambei, e sigo sambando…
Verserjando de cor e brilho
Becos e vielas;
Janelas e ladrilhos;
E assim,
Meu bloco sobe as calçadas,
E atravessa a avenida dos sonhos.
Para adejadamente…
Repousar no coração partido mais próximo.
Meu bloco é da poesia amor!
E peço por favor:
Nesse dia de flor
Não se esconda da alegria de viver a folia,
Se não for na avenida
Seja a canção!
Sambeje no amor e do calor
Do meu versilho de carnaval.
Sambou?!

Mariane Helena

Marcado com , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *