Mês: março 2021

{Andei pensando} – Resenha Crônicas da Quase Noite por Jay Kristoff – Bia Fernandez

­Os livros que amamos nos amam de volta. E assim como nós marcamos a nossa posição nas páginas, as páginas deixam marcas em nós.   Oi, leitores do meu coração! Como essas palavras lhes encontram? Espero que bem, suportando da melhor maneira essa fase complicada que estamos enfrentando no país e no mundo. Eu sei […]

Continue a ler
Início da descrição: Capa colorida, ao fundo, uma estante de livros desfocada. No topo, em letras brancas "Acauã Pozino". No centro, em um livro inclinado de capa azul, lê-se versartil na cor branca com uma sílaba abaixo da outra. Atrás das letras uma flecha preta liga as sílabas "ver e til". Em baixo no rodapé da imagem, uma marca d'água, com um cactos, símbolo do blog.

{Versartil} – O trem – Acauã Pozino

Esse trem, Ah, o trem!… Trem de doido, Trem azul, Trem afoito, para o norte ou para o sul. Trem das 7, Trem das 11, Trem que não esquece, Viajante de lá de longe. Neste trem já embarcou muita gente. Já houve choro, já houve riso, Já ouve coro, até cravo antigo, Já se comprou […]

Continue a ler
Início da descrição: Paisagem de um campo com grama, nele há dois morros, e o solo do campo é formado por um grande livro aberto. Na parte esquerda do livro, no primeiro morro, uma árvore com folhas vermelhas, que também são levadas com o vento. Na parte direita, uma menina de vestido Branco e mochila nas costas segura um fio com balões vermelhos. Ao fundo, o pôr do sol e seus raios cortando um céu semi nublado.. Fim da descrição.

{4ª Poética} – TUDO – Maria do Socorro Araújo Rodrigues

Desejo estar cheio de muitas recordações inteiro sou sentimentos me tiram os pés do chão. Faço viagens longínquas mesmo só na imaginação. Meu coração é tambor de tanta palpitação. Tudo em volta é festa grande satisfação. Escolhi viver a vida com aquela sensação que tudo é importante no tempo e ocasião.. (Maria do Socorro Araújo […]

Continue a ler
Início da descrição: Foto de busto de uma mulher sorridente se balançando em um balanço preso a uma árvore. Ela é negra, tem cabelos crespos na altura dos ombros, usa blusa de crochê amarela. Ao fundo, veem-se folhas verdes contra o sol.. Fim da descrição.

{Ei, olha aqui} – ser feliz – Mariane Helena

Ter felicidade é quando o simples já te satisfaz; Ter felicidade é o contento com cada gesto ao longo do dia! Ser feliz é ter amores na vida (principalmente o próprio); Ser feliz com o sabor, o calor, o frio… Enfim é ser grato! Ser feliz é ter a gratidão de aceitar o que o […]

Continue a ler
Início da descrição: Em um banco de madeira há um casaco de lã amarelo, sobre ele um livro aberto e um óculos. O chão é de terra e com folhas secas, ao fundo uma árvore com frutos redondos avermelhados, espalhados em seus galhos. No topo, escrito com letras pretas: "Diversidade literária". No centro: Marivalda Paticcié". Fim da descrição.

{Diversidade literária} – Analise: Bom dia Camaradas Ondijaki – Marivalda Paticcie

Olá, Camarada Leitor Brasileiro! Hoje a abordagem, é sobre a publicação do romance Bom dia Camaradas, do jovem escritor angolano Ondijaki. Essa abordagem torna – se uma ótima oportunidade, para retornarmos um contato, extremamente proveitoso que houve um dia:  A ligação com a literatura africana de língua portuguesa. Continente que abriga a origem de boa […]

Continue a ler

{4ª Poética} -Bandeira Branca -Tácia Rocha

Amo o jeito que você come batatas fritas E o jeito que masco Trident não lhe incomoda. Como tomo Napolitano nem liga: Escorre calda de morango entre os meus dedos E depois os limpo no branco da sua camisa. E nem isso lhe desestabiliza! Então não tente me entender Têm dias que nem eu me […]

Continue a ler
Início da descrição: Imagem com os dizeres: "Sinestesia Olfato" sobre fundo bege, onde paira uma leve fumaça branca. Na lateral direita da imagem, vê-se de onde vem a fumaça que compõe o fundo: há metade do rosto de uma mulher aspirando, com ar deleitado, uma vasilha com um bolo ou pão quente. Fim da descrição.

[Podcast Faroeste] 3. Sinestesia Olfato – Série Sinestesia

Olá forasters, depois de um longo tempo de pausa, trazemos a continuaçã da série “Sinestesia” em nosso podcast. Os episódios vão sair todas as segundas-feiras aqui em nosso blog, mas você já pode encontrar a série completinha lá no Spotify, basta procurar por “Podcast Faroeste”, e claro, não deixe de nos seguir, para receber os […]

Continue a ler
início da descrição: Foto de um campo de flores, no centro da imagem, detalhe de mãos em concha segurando algumas flores amarelas, as mesmas do campo. Fim da descrição.

[Estante Faroeste] Flores amarelas – Davyd Vinicius

Esse é o mesmo vento Que toca sua pele e congela o seu coração, E quem diria Que eu não precisaria viajar o mundo para conhecer o frio do inverno, Me bastou olhar os seus olhos Para conhecer a imensidão, Do Canadá ao polo norte; pra você é falta de amor, Mas para mim parece […]

Continue a ler
Início da descrição: Capa colorida, ao fundo, uma estante de livros desfocada. No topo, em letras brancas "Acauã Pozino". No centro, em um livro inclinado de capa azul, lê-se versartil na cor branca com uma sílaba abaixo da outra. Atrás das letras uma flecha preta liga as sílabas "ver e til". Em baixo no rodapé da imagem, uma marca d'água, com um cactos, símbolo do blog.

{Versartil} – Arco-íris – Acauã Pozino

Holofotes brilham Na cidade alerta Uma escolha incerta Dançamos quadrilha Com o horror maravilha Que com balas frias Matou Marighella. (Acauã Pozino)

Continue a ler

{RESENHANDO MUNDOS} – DISTOPIAS INCRÍVEIS QUE VOCÊ PRECISA LER – Laura Kaiser

E aí Farasters! Espero que vocês não tenham feito planos pra esse final de semana, porque com as séries que eu trouxe aqui tenho certeza que vocês ficarão bastante ocupados com essas leituras incríveis! Trata-se de releituras dos contos de fadas que com certeza todos nós ouvimos falar na infância, porém, com uma pegada totalmente […]

Continue a ler