Categoria: Soneto

[4ª Poética] Soneto ll – Jardim de amor – Felippe

Soneto ll – Jardim de amor Para ti meu genuíno amor Doei meu ser e meu coração Abracei a sua alma com ardor E deixei exalar as doces sensações.  Te mostrei como se deve amar Me fiz ao encanto mais belo Não quis receber, apenas dar Pois o amor é um bosque singelo.  Esse vergel […]

Continue a ler

Soneto Natalino – Bruno Félix

Esqueça esse papo de Papai Noel Abra a janela, ou saia na rua Escolha uma estrela brilhante no céu Que possa ser minha e possa ser sua Esqueça os pinhe iros artificiais Esqueça da lenda do homem da lua Enfeites de plástico (todos iguais) Escolha uma estrela que possa ser sua Então a divida com […]

Continue a ler

Soneto Natalino – Bruno Félix

Esqueça esse papo de Papai Noel Abra a janela, ou saia na rua Escolha uma estrela brilhante no céu Que possa ser minha e possa ser sua Esqueça os pinhe iros artificiais Esqueça da lenda do homem da lua Enfeites de plástico (todos iguais) Escolha uma estrela que possa ser sua Então a divida com […]

Continue a ler

[Enflorar literário] São 4 pra cá, 3 pra lá… Ao ritmo dos Sonetos!

Soneto vem do italiano e sua tradução seria pequena canção! É um poema de forma fixa (como todos os outros suas regras não variam), composto por quatorze versos.Pode ser apresentado em três formas de distribuição dos versos: A estrutura se apresenta assim: duas estrofes de quatro versos (quartetos) e duas de três versos (tercetos). Para […]

Continue a ler

[Enflorar literário] São 4 pra cá, 3 pra lá… Ao ritmo dos Sonetos!

Soneto vem do italiano e sua tradução seria pequena canção! É um poema de forma fixa (como todos os outros suas regras não variam), composto por quatorze versos.Pode ser apresentado em três formas de distribuição dos versos: A estrutura se apresenta assim: duas estrofes de quatro versos (quartetos) e duas de três versos (tercetos). Para […]

Continue a ler