Categoria: Victor Dantas; Novos Escritores; poesias

[4ª Poética] Limitar-se – Victor Dantas

Limitar-se em proporção é morrer em projeção Acabar com chance Encobrir possibilidade Deixar escapar a alma e apagar o coração… Voe gaivota Voe com toda vontade Vontade de aprender a voar Vontade de alcançar Abrindo as asas o suficiente para cortar Vento solar Entre mergulhos e rasantes Até viver em projeção sem limite ou proporção… […]

Continue a ler

[4ª Poética] Limitar-se – Victor Dantas

Limitar-se em proporção é morrer em projeção Acabar com chance Encobrir possibilidade Deixar escapar a alma e apagar o coração… Voe gaivota Voe com toda vontade Vontade de aprender a voar Vontade de alcançar Abrindo as asas o suficiente para cortar Vento solar Entre mergulhos e rasantes Até viver em projeção sem limite ou proporção… […]

Continue a ler